Conmebol declara Chape campeã da Sul-Americana

Agora é oficial: a Associação Chapecoense de Futebol é a campeã da Copa Sul-Americana 2017, conforme declarou a Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) na tarde desta segunda-feira (05/12). O título vem de uma maneira peculiar, após o adversário da final, Atlético Nacional de Medellin, declarar que entendia que a equipe catarinense merecia o título após acidente que vitimou jogadores, comissão técnica e dirigentes do clube, além de vários profissionais de imprensa na madrugada do dia 30 de novembro.

Os motivos do acidente, que virou comoção mundial, ainda não se encontram plenamente esclarecidos. Mas a suspeita de pane seca por falta de combustível – após o avião que levava as vítimas não ter sido autorizado a pousar inicialmente – é a que mais se aproxima da realidade, segundo autoridades.

Após inúmeras homenagens, que se iniciaram com a torcida colombiana do Atlético Nacional, que lotou o que seria o palco da decisão, o Estádio Atanasio Girardot, como forma de homenagem e força aos familiares e amigos das vítimas e a todos os brasileiros consternados com a situação.

O velório coletivo realizado na Arena Condá, na cidade de Chapecó, sede do clube, foi o ponto final de despedida dos agora heróis do clube. Com uma cerimônia simples, mas coerente com tamanha tragédia, se viu a presença de autoridades como o presidente da República, Michel Temer, o presidente da FIFA, Gianni Infantino, e um estádio completamente lotado, mesmo com chuva, para a última despedida.

Com a declaração oficial de que é a campeã da competição em 2016, a Chapecoense agora pode focar-se em sua reconstrução, já que no ano que vem disputará, alem dos Campeonatos Catarinense e Brasileiro, a Primeira Liga e a Libertadores da América (vaga essa obtida por ter sido declarada campeã da Sul-Americana).

Assim, com a promessa ainda de que poderá ser declarada livre do rebaixamento no campeonato nacional pelo período de três anos, além de vários clubes oferecendo auxílio financeiro e se disponibilizando para emprestar jogadores à Chape, o clube deve pensar em seu futuro de agora em diante. Do elenco sobraram 10 jogadores, dos quais nem todos devem permanecer para a temporada seguinte.

Mais informações sobre a decisão da Conmebol podem ser encontradas no site da entidade:
http://bit.ly/2gIbFne